[1]
A. . Freire Ramos, “Revisitando delimitações historiográficas cristalizadas na História do Cinema Brasileiro: O Cinema Novo e o Cinema Marginal”, FENIX, vol. 17, nº 2, p. 401- 411, dez. 2020.